Como é a doença da pneumonia e como prevenir-a saúde Tone

Como é o contágio da pneumonia e como prevenir   Tua Saúde

A pneumonia é pneumonia, geralmente causada por infecções com bactérias, vírus ou fungos. Apesar de a própria pneumonia não ser contagiosa, os microrganismos que causam essa doença podem ser transmitidos de uma pessoa para outra, o que facilita a instalação da doença em pessoas com um sistema imunológico enfraquecido, como idosos, crianças ou imunocomprometidas, por exemplo.

Portanto, é importante adotar estratégias que reduzam as chances de tratar a pneumonia, como lavar bem as mãos, vacinar anualmente contra a gripe e enfrentar a crise de alérgicos rhinitis, por exemplo.

Como evitar a caça de pneumonia

A prevenção da pneumonia é conseguida através de medidas que contribuem para o fortalecimento do sistema imune, evitando não só isso, mas também outras doenças causadas por micro-organismos, que podem ser facilmente transferido de uma pessoa para outra. Por isso, as primeiras 7 dicas são para evitar a pneumonia:

1. Manter a hidratação e uma alimentação balanceada

É importante manter uma dieta equilibrada e beber cerca de 2 litros de água por dia, para manter uma imunidade bem ativa e capaz de combater os agentes causadores, como vírus e bactérias, antes que a infecção chegue aos pulmões. Além disso, recomenda-se a redução do consumo de bebidas alcoólicas, uma vez que o consumo de álcool pode interferir na imunidade e facilitar o desejo de secreções e vômitos, dando prioridade à ocorrência de pneumonia;

2. Evasão de uso de cigarros

O tabagismo causa inflamação nos tecidos das vias aéreas, o que facilita a proliferação de micro-organismos e reduz a capacidade pulmonar em apoio à expulsão do micro-organização;

3. Crises de enxurradas alérgicas

Prevenção de situações que desencadear alergias, como poeiras de animais, pólen ou ácaros, reduz a probabilidade de ocorrência de pneumonia, uma vez que a inflamação causada por alergias pode funcionar como um portão de entrada em vírus, bactérias e fungos.

4. Manter o ar condicionado

Manter o dispositivo de ar condicionado e usá-los em condições adequadas para evitar a propagação de agentes que causam alergias.

5. Ar hidratante

Recondicionar o ar por meio de um umidificador ou local de uma pia com água na sala à noite, especialmente no inverno, o período em que o ar fica seco e aumenta a quantidade de poluição é uma boa maneira de evitar que partículas sejam suspensas no ar e irritação das vias aéreas condicionadas;

6. Mantenha as mãos em estado limpo

Pavivando as mãos, sabonete ou limpeza usando um gel de álcool sempre que estiver em ambientes públicos como centros comerciais, ônibus ou metrô, ajuda a prevenir a transmissão de microorganismos responsáveis por causar vias aéreas.

7. Evite dentro e com muitas pessoas

Deve evitar por dentro e com muita gente, especialmente no momento de epidemias de infecção, porque facilita a transmissão de doenças. Veja abaixo;

8. Vacinação contra a gripe por ano

É importante fazer a vacinação contra a gripe porque as vacinas estão prontas para proteger contra os vírus mais perigosos da gripe que circulam ao longo do ano no ambiente que são essenciais para grupos de risco, como crianças menores de 5 anos, idosos e portadores de doenças crônicas, como diabetes, cardiopatia e doenças pulmonares.

Além disso, pessoas que têm doenças crônicas, como diabetes, cardiopatia, doenças respiratórias ou a doença hepática, por exemplo, deve mantê-las sempre bem tratadas e controlada, com uso adequado do medicamento e da vigilância médica, como a remoção dessas doenças interfere na imunidade e facilita a infecção pulmonar.

Como prevenir a pneumonia infantil

As crianças e os bebês dentro de aproximadamente 2 anos já têm uma predisposição a infecções causadas pelo sistema imunológico, que ainda está em desenvolvimento. Por isso, é importante não criar o filho do contato com pessoas com infecções respiratórias, como gripes e carrapatos, bem como evitar participar da poluição total ou excessiva e do fumo do cigarro, especialmente no período de infecção das epidemias.

Deve ser balanceado, de preferência com uma alface materna exclusiva, até 6 meses para garantir que as defesas da criança estejam bem desenvolvidas e que seja iniciada a introdução de novos alimentos de acordo com a orientação do pediatra. Olhe para isso. 

Além disso, as crianças devem ser vacinadas todos os anos para a gripe, especialmente aquelas que têm histórico de infecções recorrentes ou que têm problemas com os pulmões, como bronquite e asma.

A pneumonia é grave?

A mais comum é a inflamação dos pulmões não é grave e pode ser tratada em casa pela razão de sua causa, geralmente com antibióticos, antibióticos, e com algum prefeito cuidadoso, como repouso e hidratação, que é direcionado ao médico. Veja várias outras instruções para.

No entanto, em alguns casos a pneumonia pode desenvolver-se severa, causando sinais como dificuldade na respiração, confusão mental e alterações no funcionamento de outros órgãos. Nestes casos, é necessário o internamento hospitalar, o uso de medicamentos na veia e até, o uso de oxigênio para ajudar a respirar.

    Alguns fatores que determinam a gravidade da pneumonia são:

      Assim, na presença de sintomas e sintomas que indicam pneumonia, é importante que seja feita. Avaliação médica para diagnóstico rápido e início do tratamento, como antes.

    Author: SILVA RICARDO